AO VIVO

Motociclista que quase teve a cabeça esmagada por ônibus revela detalhes do acidente

Bruno Pinto

Recentemente, diversos internautas foram surpreendidos com um vídeo registrado por uma câmera de segurança. As imagens impactantes, que acabaram causando grande repercussão em todo o país e foram compartilhadas milhares de vezes em diversas redes sociais, mostram o momento exato em que um motociclista sofre um grave acidente de trânsito e que, por muito pouco, não teve sua cabeça esmagada por um ônibus.

Ainda muito impactado com tudo o que ocorreu e caminhando com certa dificuldade, Alex participou do “Encontro” desta quarta-feira (20). Além de levar o capacete completamente destruído, equipamento de proteção que salvou a sua vida, o rapaz revelou detalhes dos momentos de tensão vividos naquele dia, descrito como um verdadeiro renascimento. Com a ajuda de Patrícia Poeta, o jovem se sentou no famoso sofá do programa matinal da Rede Globo e falou tudo o que sentiu.

Ao ser indagado pela substituta de Fátima Bernardes, Alex contou que ainda não consegue descrever o ocorrido com precisão, pois tudo aconteceu em uma fração de segundos: “Na verdade eu não acreditei no que aconteceu naquela hora. Foi tudo muito rápido, não tive reação alguma e sequer me recordo o que passou pela minha cabeça diante de tudo aquilo… Eu só lembro mesmo de levantar rápido dali para ir pra casa, ir logo para um hospital. Esse capacete e Deus foram minhas salvações”.

De acordo com motociclista carioca, mesmo assistindo a filmagem inúmeras vezes, não sabe como conseguiu sair ileso do grave acidente e revelou a reação de alguns familiares ao descobrir que ele era a vítima: “Quando eu vi e revi as imagens [da câmera de segurança] por mais de cinco vezes, eu realmente não acreditei… Meus familiares só tiveram acesso as imagens quando eu já estava no hospital. Eles agradeceram muito a Deus”.

O rapaz confirmou a versão que vem sendo noticiadas nos telejornais e falou o que passou em sua cabeça instantes após se levantar com um ônibus em cima dele: “Neste dia, eu estava indo comprar pão e logo voltaria para ir trabalhar, porém, como eu sofri o acidente, eu voltei pra casa apenas falando que queria ir para um hospital para fazer um exame de raios x, foi quando o meu pai me levou. Chegando lá fiz alguns exames e viram que não havia quebrado nada”.

Por fim, Alex bateu na tecla de que ainda está impactado e incrédulo com o ocorrido, mas garantiu que não irá deixar de pilotar sua moto por conta do acidente e que, em breve, já estará de volta a ativa: “Eu continuo sem acreditar, minha ficha ainda não caiu. Foi mesmo um renascimento, mas eu vou vou criar coragem para subir na moto novamente e irei continuar andando. Em recuperação, eu terei que esperar por volta de dez dias para retornar ao trabalho”.